realização

colaboradores

financiado por

Evento digital internacional marca a IX Jornada de Sustentabilidade – O alimento como ferramenta de transformação

Promovido pelo Basque Culinary Center e pelo FRUTO, o evento abordou a necessidade de reflexão sobre o impacto da gastronomia na sustentabilidade envolvendo as novas gerações nas transformações necessárias. Com a participação de especialistas internacionais o evento realizado em dois dias, abordou temas como gastronomia, economia circular, biodiversidade, inovação social, ativismo e pensamento criativo, dentre outros através de palestras e oficinas. Acompanhe a seguir alguns dos entrevistados e os temas abordados por eles.

Chido Govera é agricultora, ativista, educadora e fundadora do ” Future of Hope”, no Zimbábue. Ela é a responsável pela promoção do cultivo de cogumelos como uma fonte sustentável de alimentos e renda em regiões pobres do mundo.

 

 

 

Pamela Coke-Hamilton é advogada e especialista em comércio do Caribe, atua como diretora executiva do International Trade Center.

 

 

 

 

Gaelle Le Gélard é especialista em sustentabilidade, recentemente trabalhou com projetos em “Consumer Goods, Mobility and Waste” na Ellen MacArthur Foundation. Gaelle falou sobre economia circular.

 

 

 

 

Douglas McMaster é proprietário do Silo, um dos restaurantes referências em desperdício zero no mundo. Douglas também abordou economia circular.

 

 

 

Comandou a conversa sobre ativismo a Carolyn Steel com uma visão particular entre a cidade e a comida, ela é autora de livros como Hungry Cities e Sitopia.

 

 

 

Camille Etienne é uma das vozes de referência entre os jovens na França. além de ser membro do coletivo “On est prêt”, que insiste em abrir os olhos da sociedade a respeito das consequências do modo insustentável em que vivemos.

 

 

 

Jerônimo Villas-Bôas é ecologista, mestre em Gestão Ambiental e parceiro do Instituto ATÁ. Ele dialogou sobre Biodiversidade.

 

 

 

 

Miles Irving, figura internacional proeminente por projetos como a Forager, em que distribui ervas silvestres para restaurantes no Reino Unido e na Escandinávia, também abordou Biodiversidade.

 

 

 

Elsa Yranzo é diretora de arte e curadora do estúdio de design de alimentos Creative Food Studio BCN. Para ela o design e a comida andam lado a lado. Durante o evento contou um pouco da sua experiência de como usar design para gerar novos vínculos entre a comida e as pessoas.

 

 

Alex Atala é chef do restaurante D.O.M. e Dalva e Dito. É co-criador do FRUTO e do instituto ATÁ. Alex falou sobre sustentabilidade e a importância de ensinar as novas gerações a reconhecerem uma árvore sem o fruto.

 

 

 

Matt Orlando está a frente do restaurante Amass, onde insistiu em normalizar lógicas do uso circular. Também falou sobre sustentabilidade.

 

 

 

 

Tracy Chang, lançou o Restore Us, uma ação voluntária das camadas sociais mais vulneráveis de sua cidade.